sábado, enero 28, 2023
HomeDPL NEWSAmerican Tower e Algar Telecom fecham parceria para oferta de LoRaWAN

American Tower e Algar Telecom fecham parceria para oferta de LoRaWAN

As duas empresas vão oferecer a rede neutra LoRaWAN para desenvolver projetos IoT de organizações e órgãos públicos.

Leer en español

A American Tower e a Algar Telecom anunciaram uma parceria para impulsionar o mercado de Internet das Coisas (IoT) por meio da rede neutra LoRaWAN, da American Tower. A proposta é que as empresas trabalhem o desenvolvimento de novas soluções.

Com a parceria, a Algar Telecom poderá ampliar sua atuação no ecossistema IoT, com a solução LoRaWAN. “Nosso objetivo é desenvolver projetos customizados para grandes organizações ou órgãos públicos que precisam monitorar sistemas. Não teremos uma entrega padrão, e sim um serviço desenvolvido a partir das necessidades levantadas”, disse o vice-presidente da Algar Telecom, Osvaldo Carrijo.

Leia também: Algar Telecom lança solução IoT que monitora gasto de energia

“Outro diferencial é o fornecimento de uma solução de ponta a ponta, que engloba desde a instalação dos sensores até a entrega de relatórios ou dashboards de inteligência de dados, definidos conforme as necessidades de cada cliente”, completou.

A rede neutra da American Tower já conecta mais de cinco milhões de dispositivos para serviços de smart cities, como medição de água, gás e energia, monitoramento climático, entre outros. No começo do ano, a empresa anunciou que transmitiu cinco bilhões de mensagens em três anos de atuação no Brasil.

“O padrão LoRaWAN é muito eficiente no consumo de energia e tem um ecossistema bem consolidado de desenvolvedores, soluções e aplicações no Brasil”, afirmou Janilson Bezerra, diretor de Novos Negócios da American Tower. 

A rede já está disponível em todos os estados do país e, no final do ano passado, a União Internacional de Telecomunicações reconheceu o LoRaWAN como padrão internacional para IoT.

LoRaWAN

LoRaWAN é um protocolo de comunicação sem fio que permite a comunicação a distâncias de 15 km, com consumo mínimo de energia. 

Um exemplo de aplicação da rede é para monitorar postes de iluminação pública. Caso uma lâmpada conectada à rede queime, um sensor emite um alerta para a central de informações.

Mirella Cordeiro
Mirella Cordeiro
Editora, jornalista de temas digitais, de telecomunicações e tecnologia e correspondente da DPL News no Brasil e em português.

LEER DESPUÉS