domingo, enero 29, 2023
HomeDPL NEWSNos EUA, Fábio Faria busca investimentos de tecnologia no Brasil

Nos EUA, Fábio Faria busca investimentos de tecnologia no Brasil

O ministro das Comunicações visitou empresas de semicondutores, de streaming de vídeo, data centers, entre outros, para desenvolver o ecossistema de 5G no país

Leer en español

Seguindo seu objetivo de tornar o Brasil um hub tecnológico, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, realizou uma missão técnica nos Estados Unidos na última semana onde visitou uma série de empresas como Intel, Meta e Google.

A primeira reunião foi na sede da Intel para debater o uso de chips, 5G e Wi-Fi 6. “A empresa é uma das líderes de semicondutores e teve um crescimento durante a pandemia. Discutimos sobre o desenvolvimento de novas tecnologias com o uso do #5G”, escreveu o ministro em uma rede social. Seguindo o cronograma, a comitiva visitou a Meta, dona do Facebook, Instagram e WhatsApp.

Outro encontro foi com a Motion Picture Association, representante dos cinco maiores estúdios de cinema de Hollywood e da Netflix. Segundo o governo, o Brasil desperta interesse das empresas do setor por ser um dos principais consumidores de streaming. Para a Secretária-Executiva do MCom, Estella Dantas, o Brasil está pronto para “ser protagonista na nova era desta tecnologia”.

Na CoreSite, Faria afirmou que a empresa comprada pela American Tower no ano passado está investindo em datacenters no mundo inteiro. Só nos Estados Unidos, a empresa possui 25 datacenters. “É importante que uma empresa como essa consiga oferecer infraestrutura de longo prazo para que a gente tenha o ecossistema 5G funcionando com datacenter e baixa latência”.

No último dia de missão técnica, a comitiva se reuniu com representantes do Google e do YouTube para discutir investimentos em inovação e educação no Brasil.

“Com essa missão nos EUA, reafirmamos a força do mercado brasileiro e conhecemos prováveis aliados para levar mais inclusão digital, capacitação e recursos tecnológicos com potencial para alavancar o sistema produtivo no nosso país”, declarou o ministro.

A apresentação do país às companhias são importantes na medida em que atraem seus investimentos. Resta saber se a missão renderá frutos para o Brasil.

Missões EUA

Recentemente, Faria também esteve nos Estados Unidos e assinou uma carta de intenções com a Viasat para aumentar a cobertura de conectividade no Brasil. Ele também visitou a Qualcomm para debater Open RAN, Internet das Coisas, metaverso e 5G.

No final do ano passado, ele buscou se aproximar da SpaceX, de Elon Musk, para conectar a região Amazônica. Depois disso, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) autorizou a atuação da empresa no Brasil.

Mirella Cordeiro
Mirella Cordeiro
Editora, jornalista de temas digitais, de telecomunicações e tecnologia e correspondente da DPL News no Brasil e em português.

LEER DESPUÉS