Huawei aposta em estratégia de incentivos para consolidar parcerias

São Paulo, Brasil.- A Huawei está trabalhando duro em seu programa de parcerias com foco direto em incentivos financeiros e logísticos. Ricardo Matsui, vice-presidente da Huawei no Brasil, mencionou as iniciativas da empresa durante evento nesta terça-feira, 11, garantindo um retorno ágil sobre os resultados de negócios gerados. 

Os incentivos que têm foco especial no setor de comércio e nos parceiros de venda da empresa, dependendo dos resultados alcançados durante o ano, dão aos parceiros um retorno de até 20% do valor dos negócios que levaram para a empresa.

O objetivo é aumentar a agilidade e a rentabilidade das operações, tornando a parceria com a Huawei mais vantajosa para todos. “Obviamente estamos aqui também para fazer negócios rentáveis, aumentar a produtividade do nosso time e aumentar a rentabilidade dos nossos negócios”, disse Matsui, enquanto apresentava os diversos benefícios da parceria à classe empresarial na plateia.

Leia: Huawei defende mercado aberto e cooperativo para crescimento digital da LatAm

A empresa tem investido nas parcerias do setor comercial, proporcionando plataformas com recursos dedicados, programas específicos e capacitação. O executivo menciona que, para certos produtos específicos, há incentivos adicionais, mais “agressivos e escalonáveis”, a exemplo dos que vendem soluções SAP.

Planos de expansão

“Se você olhar para o armazenamento de alto nível, verá que os principais bancos, os principais data centers no setor público, as principais empresas, sua tecnologia em seu data center, é fornecido pela Huawei”, frisou o CEO da Huawei para o Brasil, Wesley Wang.

dplnews wesley wang huawei mf11624
Wesley Wang, CEO da Huawei Brasil. Crédito: DPL News

Ainda assim, com um amplo portfólio de produtos, serviços, soluções e plataformas cada vez mais amplo, a estratégia da Huawei para os próximos anos é expandir ainda mais, focando justamente no comercial, revelou Wang. “Todos os trimestres, a Huawei desenvolve uma nova solução no mercado de PME e no mercado comercial”.

Ele mencionou que a Huawei tem feito esforços substanciais para melhorar seu ecossistema de patentes, com melhorias já implementadas. Isso inclui o desenvolvimento contínuo de novas soluções tecnológicas para pequenas e médias empresas (PMEs) e outros protocolos.

Para 2030, a visão é de que o mundo inteligente atingirá todas as esferas humanas. Até 2030, o executivo disse que acredita que a grande oportunidade virá com a infraestrutura do poder de computação da IA.

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.

ACEPTAR
Aviso de cookies