miércoles, noviembre 30, 2022
HomeTECNOLOGÍAAppsBrasil | Uber anuncia piloto de gravação de vídeo in-app no...

Brasil | Uber anuncia piloto de gravação de vídeo in-app no Brasil

Novo recurso será testado em Santos (SP) e em João Pessoa, além de três cidades dos Estados Unidos.

A Uber, em sua permanente busca para tornar as viagens cada vez mais seguras, apresentou hoje, em evento nos Estados Unidos, novos recursos focados em segurança criados a partir de demandas dos motoristas parceiros. Entre eles, a empresa anunciou um piloto de gravação de vídeo a partir do próprio app da Uber, ferramenta gratuita que utiliza a câmera frontal do smartphone.

O piloto da gravação de vídeo e áudio terá início em três cidades americanas (Cincinnati, Louisville e Nova York) e duas no Brasil: Santos (SP) e João Pessoa. A partir do feedback dos motoristas parceiros envolvidos nesse piloto serão definidos os passos seguintes.

Desde o lançamento do U-Áudio, que hoje permite a usuários e motoristas parceiros gravar os áudios de todas as viagens na plataforma, a capacidade de permitir que os motoristas também escolham gravar vídeo usando a câmera frontal do smartphone também vem sendo explorada.

No Brasil, a Uber já é o único app de mobilidade que hoje permite ao parceiro que tiver sua própria câmera veicular cadastrá-la no app para que os seus passageiros saibam que ela está instalada no veículo, por meio de notificações no próprio app, além de permitir o compartilhamento de gravações desse dispositivo com a equipe de suporte, em caso de reporte de incidente.

Mas a empresa sabe que as câmeras tradicionais podem exigir uma configuração complexa e ter um alto custo. Por isso também tem explorado a possibilidade de gravação usando o próprio dispositivo móvel. No passado, testes foram feitos por meio de um app exclusivo para essa finalidade. Desta vez, a empresa está oferecendo o recurso dentro do próprio aplicativo da Uber. Além de ser escalável e gratuita, a nova funcionalidade pode ser configurada pelo motorista em poucos segundos.

Uma vez habilitado o novo recurso, os motoristas parceiros poderão gravar vídeo e áudio de todas as viagens. Assim como já ocorre no recurso de gravação de áudio, a gravação de vídeo e áudio também permanecerá criptografada no celular, sem que ninguém possa acessá-la diretamente – nem o próprio motorista, que não possui a chave da criptografia.

A única forma da equipe de atendimento da Uber acessar o conteúdo das gravações é mediante um reporte de incidente de segurança no aplicativo. Se o motorista parceiro abrir uma reclamação, ele terá a opção de adicionar o arquivo com o vídeo em questão. Só então a Uber – que tem a chave da criptografia – terá acesso às imagens. No caso de investigações, as autoridades competentes também podem solicitar acesso a essas imagens para a Uber, na forma da lei.

*Com assessoria de imprensa.

DPL News
DPL Newshttps://dplnews.com/
Digital Policy & Law es una empresa especializada en el análisis estratégico de las políticas públicas de telecomunicaciones, TIC y economía digital.

Publicidad

LEER DESPUÉS