São Martinho eleva indicadores ESG com 4G da TIM

Reconhecida como uma das maiores empresas do setor sucroenergético do mundo, a São Martinho colhe os frutos de investimentos em conectividade após três anos de parceria com a TIM. A tecnologia, na Unidade Iracema (UIR), localizada em Iracemápolis, interior de São Paulo, tem viabilizado um acompanhamento ainda mais eficiente do monitoramento ambiental e da eficiência operacional, além da promoção de inovação sustentável e engajamento social.

Os resultados refletem esse compromisso: a UIR apontou redução no tempo de resposta de 20% no acionamento das equipes brigadistas que combatem os focos de incêndios acidentais e criminosos que atingem seus canaviais. A conectividade, aliada às boas práticas operacionais, também contribui para a gestão mais eficiente do consumo de diesel e tempo ocioso dos motores dos equipamentos agrícolas.

A aplicação da conectividade favoreceu o trabalho na Unidade Iracema em três frentes principais: na colheita; no monitoramento de incêndios; e na melhoria das condições de trabalho dos cerca de 2 mil colaboradores diretos. Por meio do monitoramento realizado a partir do Centro de Operações Agrícolas (COA), todos os mais de 300 equipamentos agrícolas conectados com computadores de bordo e chip 4G da TIM são acompanhados durante a colheita da cana. O controle de bordo dos tratores e colhedoras conectadas também ajudam a acompanhar o consumo de diesel e o tempo ocioso do motor, proporcionando mais eficiência econômica e menor emissão de CO2 no meio ambiente. Um bom exemplo é que, desde 2020, o tempo médio ocioso de colhedoras caiu 18%.

O monitoramento de incêndios acidentais e criminosos que podem afetar os canaviais é muito importante para a operação. Na Iracema, o sinal 4G da TIM é fundamental para promover uma comunicação em tempo real com o Centro de Operações Agrícolas (COA), assim que qualquer sinal de fumaça é detectado pelas câmeras instaladas nos canaviais. Esse reforço na comunicação contribui para uma redução no tempo de resposta de 20%, ao acionar equipes de brigadistas que ficam em pontos estratégicos.

É importante destacar que a São Martinho não promove ou utiliza queimadas para colheita da cana-de-açúcar em suas unidades, sendo realizada de forma 100% mecanizada, e adota todas as medidas de prevenção e combate a incêndios, prezando pela segurança de seus colaboradores e comunidade.

Principais indicadores:

  • Menos tempo de motor ocioso em colhedoras – média de 18% â
  • 20% â no tempo de resposta a chamados para o combate a focos de incêndios nos canaviais da unidade desde 2020

Em tempo real – O uso da conectividade, associada às ferramentas tecnológicas, está aperfeiçoando a comunicação entre o Centro de Operações Agrícolas (COA) sediado na Unidade Iracema e as equipes em campo. Com a otimização das operações e o uso eficiente de recursos para monitoramento de frota, telemetria, logística e análise de dados georreferenciados, por exemplo, foi possível reduzir o tempo de resposta às ocorrências e acompanhar ainda mais de perto as condições de trabalho dos colaboradores em campo. Mais segurança do trabalho e mais eficiência, com tecnologia e inovação.

“A sustentabilidade está presente em toda a cadeia produtiva da São Martinho e em nossa cultura. É um pilar estratégico na forma de gerir e operar nosso negócio, que tem como missão produzir o carbono renovável mais barato do planeta. Por isso, investimos constantemente em melhorias de processos, no desenvolvimento dos nossos colaboradores e em inovação. O 4G implantado em parceria com a TIM na Unidade Iracema é um bom exemplo de como a conectividade, aliada às boas práticas operacionais e de gestão, pode contribuir para a melhoria de índices de sustentabilidade e eficiência operacional”, destaca Oscar Paulino, Gerente de Sustentabilidade da São Martinho.

Além do benefício direto ao negócio e aos funcionários, por causa da cobertura de mais de 30 mil hectares, demais fazendas e comunidades ao redor também são atendidas com conectividade. A inclusão digital, um dos principais pilares de atuação da TIM na cobertura do campo, permite que atividades relacionadas a educação à distância e entretenimento, entre outras, façam parte da rotina de famílias no entorno das áreas de cobertura.

Para Paulo Humberto Gouvêa, diretor Corporativo da TIM Brasil, a tecnologia habilita a transformação digital sustentável, que integra também os pilares ESG e o histórico de prioridades em sustentabilidade: “a conectividade permite integrar ferramentas e aplicações, transformando as condições de trabalho e o dia a dia no agronegócio. Percebemos a importância da conectividade com o aumento da produtividade e os ganhos para os colaboradores. Somos líderes em cobertura no campo, com expertise em parcerias mercado agro. Ao investir no 4G, a São Martinho comprova que a conectividade 4G não é um custo e sim um investimento com retorno em curtíssimo prazo”.

A Iracema, fundada em 1937 e localizada em Iracemápolis (SP), recebeu conectividade da TIM em 2020, com 4G em frequência de 700MHz. Em uma área de mais de 30 mil hectares, tem capacidade de processamento de 3,5 milhões de toneladas de cana-de-açúcar por safra, trabalhando principalmente com açúcar, etanol e bioeletricidade. A TIM também está presente na Unidade São Martinho, em Pradópolis (SP), com um projeto 4G e o Centro de Inovação em 5G, e na Unidade Boa Vista, em Quirinópolis (GO).

Informações da assessoria