Domínio “.br” celebra 35 anos com 5,3 milhões de endereços registrados

O .br completa 35 anos neste 18 de abril, consolidado como um dos domínios mais populares para código de país: entre os mais de 300 existentes, ocupa a 6ª posição ao se destacar pela segurança, estabilidade e contribuir com o desenvolvimento da internet no Brasil.

Os 5,3 milhões de sites registrados sob o domínio .br possuem vantagens como custo benefício e segurança por meio de criptografia e autenticação. Atualmente, o custo para manter um site com o registro nacional, é de R$ 40 (pouco mais de US$ 7) anuais, podendo se mantido por até 10 anos com diversos servidores distribuídos dentro e fora do Brasil.

Operado pelo NIC.br (Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR) que por sua vez é ligado ao CGI.br (Comitê Gestor da Internet no Brasil), passa por constante aprimoramento, inclusive passa por tranquilidade quanto a substituição de protocolos (IPv4 para IPv6), destacou Renata Mieli, coordenadora do CGI.br.

“No Brasil nós não temos nenhum tipo de problema e de gargalo no que diz respeito à infraestrutura de IPs. O Registro br tem procurado adotar uma política comprometida com a garantia da manutenção de infraestrutura e o Brasil é dos mais avançados quanto a adoção do IPv6, estando em torno dos 50%”, disse. Mieli reforça ainda que o Comitê entende que o IPv4 e o IPv6 por hora tem que ser complementares.

Relacionado: MWC 2024 | IPv6 é crucial para uso pleno do 5G e redes IoT

Além da manutenção de estrutura técnica e da atividade do registro e publicação de nomes de domínio e distribuição nacional de numeração IP e de ASN, o superávit é investido em ações e projetos que trazem uma série de benefícios ao uso e à infraestrutura da internet no Brasil.

As iniciativas vão desde a elaboração de pesquisas sobre acesso e utilização das tecnologias da informação e comunicação, bem como a promoção de cursos, eventos e capacitação gratuitos aos profissionais de tecnologia.

“Ao direcionar recursos para o aprimoramento da qualidade da Internet que chega à população, o NIC.br é usado como exemplo por entidades similares de outros países. Se nosso modelo de operação é referência internacional, o que nos orgulha muito é a confiança que os brasileiros têm depositado no trabalho desenvolvido”, afirma Demi Getschko, diretor-presidente do NIC.br.

Com informações do NIC.br e do CGI.br

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.

ACEPTAR
Aviso de cookies