Brasil | Mercado Livre apresenta ressalvas à atribuição da Anatel sobre mercados digitais

Tele.Síntese

Em audiência pública na Comissão de Desenvolvimento Econômico (CDE) da Câmara dos Deputados, o Mercado Livre manifestou preocupações sobre qual órgão será responsável por analisar questões concorrenciais no comércio eletrônico. O tema é objeto do Projeto de Lei (PL) 2768/2022, que dá protagonismo à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). 

A proposta, de autoria do deputado João Maia (PL-RN), é de incluir entre as atribuições da Anatel, a prerrogativa de “exercer, relativamente às plataformas digitais, as competências legais em matéria de controle, prevenção e repressão das infrações da ordem econômica, ressalvadas as pertencentes ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade)”.

Ler mais…

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.

ACEPTAR
Aviso de cookies