Brasil | Desktop registra Ebitda ajustado de R$ 69 milhões no 1º tri

A Desktop registrou Ebitda ajustado de R$ 69 milhões no primeiro trimestre deste ano, um aumento de 197% na comparação com o mesmo período de 2021, quando o montante foi de R$ 23 milhões, de acordo com dados do balanço financeiro da companhia, divulgados na noite desta segunda-feira (16). A margem Ebitda ajustada foi de 44% no período findo em março, o que representa um ganho de 4 pontos percentuais relação ao mesmo período do ano passado.

A empresa fechou o trimestre com 667 mil clientes, um incremento de 414 mil novos assinantes na base, o que representa 163% de aumento na comparação anual. Mais de 3 milhões de Homes Passed foram adicionados à cobertura da Desktop no período, distribuídos em 125 cidades atendidas pela companhia. No período também houve a conclusão da aquisição da Infolog, adicionando 16 mil acessos na base da companhia e fortalecendo ainda mais a presença no litoral sul do Estado de São Paulo.

Já a oferta dos serviços nas cidades foi acompanhada pelo aumento da infraestrutura, que atingiu 44 mil km de rede de acesso FTTH + 9 mil km de backbone.

“No primeiro trimestre, ressaltamos a conclusão da aquisição da Infolog, que nos possibilitou ampliar a nossa atuação no Litoral Sul Paulista, e está alinhada a nossa estratégia de crescimento híbrida, gerando valor tanto na avenida orgânica quanto na inorgânica. Destacamos também a performance de vendas, que trouxe 40 mil novos clientes orgânicos à nossa base, já contemplando as primeiras sinergias comerciais capturadas na Net Barretos e LPNet, nossas duas maiores aquisições”, explica Denio Alves Lindo, presidente da Desktop.

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.

ACEPTAR
Aviso de cookies