Brasil | Conselheiro Alexandre Freire solicita estudos sobre segurança física e cibernética dos cabos submarinos

Agência Nacional de Telecomunicações

O conselheiro diretor Alexandre Freire solicitou a realização de estudos abrangentes sobre a  segurança física e cibernética dos cabos submarinos, por meio de ofício enviado na quarta feira, dia 24/01, a algumas superintendências da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Os cabos submarinos são a espinha dorsal do tráfego de dados intercontinental no país, com ligações subaquáticas que transportam 99% do tráfego de telecomunicações  mundial.

O ofício destaca que o desenvolvimento desses estudos é necessário devido às diversas implicações de segurança associadas à infraestrutura crítica dos cabos submarinos, incluindo a integridade dessas linhas e respectivos dados que transitam por elas. Além da possibilidade de  danos causados por eventos naturais, a ameaça de danos intencionais e maliciosos torna-se ainda mais relevante devido ao crescente volume de dados e dependência do armazenamento em nuvem.

Ler mais…

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.

ACEPTAR
Aviso de cookies